Google lança Projeto Loon, para Internet alimentada por balões !

Quase dois terços do mundo não tem acesso à internet de alta velocidade, mas o Google está determinado a mudar isso. Nem sempre a criação de uma infra-estrutura disponível em áreas remotas é tão simples, nem mesmo para uma uma enorme corporação multinacional. Por este motive a Google vem trabalhando duro no Projeto Loon. Como parte do projeto, o Google lançou recentemente uma série de balões com acesso à Internet para a estratosfera sobre a Nova Zelândia para fornecer conectividade de banda larga para áreas rurais.
A idéia é criar uma rede flutuante sobre 20 km (12,4 milhas) acima da superfície da Terra, alto o suficiente para evitar qualquer variação de clima ou o tráfego aéreo.
Estes balões são construídos a partir de folhas de plástico de polietileno e mede 15 x 12 m (49 x 39 pés) quando inflado. Eles são construídos para resistir a pressões mais elevadas do que um balão meteorológico típico, mas também pode desabafar um pouco de gás para aliviar a pressão e tem um pára-quedas no topo, para pousar lentamente, se necessário.
O balão carrega uma caixa de produtos eletrônicos de baixo dele, que contém antenas de rádio para se comunicar com o solo e outros balões, GPS, sensores de vôo, instrumentos para monitorar as condições meteorológicas, e as placas de circuitos necessários para o controle de todo o sistema. Uma matriz de painéis solares fornece 100 watts de potência para os componentes eletrônicos e pode carregar uma bateria on-board dentro de quatro horas para o uso à noite.
Segundo o Google, a rede do Projeto Loon pode proporcionar velocidades de conexão comparáveis a 3G, com cada balão cobrindo uma área no chão cerca de 40 km (24,8 milhas) de diâmetro. Ao invés de usar Wi-Fi, os balões se conectar a um serviço de internet no chão e transmissão para as casas através de uma freqüência de rádio sobre bandas ISM. Isso evita interferências e ao mesmo tempo atingir distâncias muito maiores. Qualquer um que deseje se conectar terá que instalar uma antena especial do lado de fora de sua casa para receber o sinal e descriptografar os dados.
Projeto Loon lançou seu primeiro balão, perto do Lago Tekapo, Nova Zelândia, na manhã de 14 de junho de 2013. Ao longo dos dias seguintes, a equipe lançou um total de 30 balões nos céus acima Ilha Sul da Nova Zelândia para testar as suas capacidades com um pequeno grupo de voluntários.
A equipe de investigação está a trabalhar em estreita colaboração com os testadores para determinar como viável um serviço de internet transmitidas por balão realmente é. Se tudo correr bem, o Google espera que seu projeto poderia não só trazer a preços acessíveis, internet de alta velocidade para locais remotos, mas também restabelecer a internet rapidamente após uma catastrophe por exemplo.

  1 comment for “Google lança Projeto Loon, para Internet alimentada por balões !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: